quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Política Metropolitana

Paulo Wiazowski é eleito presidente do CONDESB

O prefeito de Mongaguá tomou posse nesta terça-feira durante a reunião do CONDESB


O prefeito de Mongaguá Paulo Wiazowski tomou posse como presidente do CONDESB nesta terça-feira, depois de uma votação feita entre todos os prefeitos presentes: João Paulo Tavares Papa (Santos), Tércio Garcia (São Vicente), João Carlos Forssell (Itanhaém), Mauro Orlandini (Bertioga), Milena Bargieri (Peruíbe) Roberto Francisco dos Santos (Praia Grande) e Maria Antonieta de Brito (Guarujá). Também estiveram presentes o diretor-executivo da AGEM Marcos Aurélio Adegas e o secretário-adjunto de Desenvolvimento Metropolitano do Estado de São Paulo Edmur Mesquita.
A ex-presidente do CONDESB Maria Antonieta de Brito fez um balanço de sua gestão (28/02/2011 a 27/02/2012), dos projetos metropolitanos que foram desenvolvidos – 39 no total, principalmente relacionados à saúde pública e infraestrutura urbana - e dos recursos que ainda serão aplicados neste ano de 2012. Já o atual presidente assumiu como compromisso de dar continuidade ao projeto de integração das prefeituras que se consolida a cada ano.
Para o cargo de vice-presidente do CONDESB foi mantido – por votação – o nome do superintendente regional da Sabesp João César Queiroz Prado. Os 21 conselheiros – ligados as diversas secretarias estaduais – permanecem nos cargos.
O encontro de hoje marcou a criação da Câmara Temática de Políticas Públicas para a Mulher proposta pela então presidente do CONDESB, Maria Antonieta de Brito.
Foi aprovado também o calendário de 2012 das reuniões mensais do CONDESB. Nos meses de março e abril a reunião acontecerá novamente na sede da AGEM, a partir de maio as cidades da região metropolitana voltarão a adotar o sistema de rodízio, e o primeiro município a receber a reunião será Mongaguá.
Os prefeitos presentes também foram unânimes em manifestar o repúdio à intenção da CPFL/Piratininga em transferir o Centro de Operações que funciona em Santos para a cidade de Sorocaba. Para os prefeitos esta iniciativa pode significar um retrocesso e acabar dificultando o abastecimento de energia elétrica para toda a Região Metropolitana da Baixada Santista.

CONDESB
O Condesb (Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Baixada Santista) foi criado em novembro de 1996 com a finalidade de tratar de assuntos de interesse comum da Região Metropolitana da Baixada Santista – a primeira do Estado de São Paulo. Fazem parte do Conselho a AGEM (Agência Metropolitana da Baixada Santista) que tem a função de fiscalizar e acompanhar as deliberações determinadas pelo CONDESB, e o Fundo Metropolitano que funciona como uma reserva financeira – com a participação de 50 por cento do Estado e outros 50 por cento dos nove municípios – para a concretização de projetos de caráter metropolitano.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

HÁ 14 ANOS


• Circulava o Fatos n. 85, em 06 de junho de 1998, trazendo notícias, informações e prestação de serviços. Algumas das principais manchetes daquela edição:
- “Prefeitura edita a Lei da Publicidade” - A lei entra em vigor no próximo dia 20 e vai regulamentar a publicidade nos estabelecimentos e vias públicas da cidade
- Em editorial, o FATOS destaca o desemprego como a principal plataforma políticas dos candidatos à Presidência em outubro: “Pode parecer que não, mas os mandatos passam rápido e o eleitor costuma pregar boas peças”.
- “Na página 2, artigo do prefeito João Carrasco: O Poder Público e o Turismo, onde cita o exemplo de Porto Seguro, cidade que cresceu em cima do turismo, após o governo do estado ter construído o seu aeroporto.
- Também na página 2, artigo do empresário Celso Carrico: Prefeituras Inteligentes, sobre as propostas viáveis lançadas em algumas cidades; o vice-prefeito João Molina escreve o artigo O Castigo da Comunicação Deficiente.”
- Em sua coluna semanal, texto do jornalista Almir Garcia: Devagar, quase parando, onde ressalta que tem muita gente jogando contra a cidade.
- Na Seção Frases: “As vendas ainda não foram efetivadas porque os clientes ainda não trouxeram as receitas médicas”, Valdemir Bilharvas, gerente da Drogabeto, comentando a primeira semana de venda da pílula Viagra, o badalado remédio que chegou ao país no último mês.
- “Encontro do PSDB regional debate eleições de outubro”. - Itanhaém foi representada pelo presidente do partido, João Molina Cervante e pelos membros do diretório: Josiane Maria Caetano, Eduardo de Sousa Brito, Pedro Carlos Valcante e Edson Oliveira da Silva.
- “Reunião na Capital discute uso das estações da Fepasa”.
- “Frio e umidade recomendam atenção à gripe”.
- “Prainha vai receber melhorias”. - serão investidos R$ 51 mil em obras de urbanização da Praça Mário Bernardi e no entreposto de pescados
- “Oficinas culturais já têm 400 matriculados”.
- “Começa a temporada das festas juninas” - escolas, clubes e associações de bairros já anunciam as datas de seus eventos
- “Aumenta o número de pessoas interessadas em integrar os grupos de terceira idade de Itanhaém”.
- “Capitão Roberto Xerez inaugura posto da polícia comunitária no Gaivota”. O posto vai contar com 12 policiais sob o comando do sargento Jerônimo Valle.
- “Gerente de RH das Lojas Cem faz seleção de mão de obra na ACAI” - a nova loja vai ser inaugurada na avenida Condessa de Vimieiros
Esportes
- “XV de Suarão deve alcançar a liderança na rodada deste domingo” - o time enfrenta em seu campo o fraco Umuarama que, domingo passado, apanhou de 11 x 0 do Unidos (só Binho fez seis gols).
- “Em sua coluna Sequência Radical, o esportista Luiz César Morcego escreve sobre a boa fase do surfista Jaime Netinho Pereira, que já é o 7o no ranking do Circuito Paulista Sthill”.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Artigo André Caldas

Uma região em expectativa

Ninguém pode prever o que vai acontecer com a economia das cidades da região nos próximos anos; mesmo assim, é preciso planejamento

As cidades do Litoral Sul vivem uma fase de expansão econômica que pode ser facilmente medida pela quantidade de novos comércios que surgem a cada semana, sobretudo em Itanhaém e Peruíbe - as duas cidades foram destaque no levantamento do Governo Estadual sobre abertura de novas empresas em 2011.
Tem vários aspectos em torno dessa expansão, a principal delas é a questão do pré-sal, que não é privilégio de cidade nenhuma na Baixada e Litoral Norte e que chamam à atenção do grande empresariado para o que está acontecendo na região.

Contudo, existe uma situação que já foi apontada pelos estudiosos do assunto: crescimento não significa desenvolvimento. É preciso prestar atenção a esta realidade. Registrar centenas de novos comércios é um sinal claro de que o varejo está em expansão, mas também que existe um vácuo entre crescimento e melhorias de condições de vida da população.
Muitos dos empregos gerados até agora absorvem a mão de obra primária e secundária, formada por balconistas e atendentes, que são, de fato, as profissões iniciais de muitos jovens, mas oferecem pouca ou pequena possibilidade de ascensão profissional.

Também atraem mão de obra de outras regiões, só que igualmente despreparada.
O cenário, todavia, é de expectativa e otimismo porque é melhor ter o que consertar do que viver no marasmo que foi a década de 90 no litoral sul, com taxa zero de desenvolvimento.
Apostar no melhor cenário é começar desde já a delinear os caminhos que o poder público vai seguir, principalmente no que diz respeito à questão social: emprego, segurança, saúde e educação.
O planejamento que se pede é aquele voltado a preparar as cidades e procurar se antecipar a vários cenários, desde os mais preocupantes, como o crescimento da violência, aos mais desejados, que são os indicadores do desenvolvimento social e humano.

As cidades não têm muito tempo para iniciar este processo. Precisam reunir suas melhores cabeças, suas lideranças e representantes da sociedade e discutir de que forma o crescimento vai ser repartido entre toda a população para, aí sim, poder ser chamado de desenvolvimento.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Peruíbe - 53 anos de História


ONIRA BETIOLI
Se de um lado temos avanços e conquistas, d´outro temos desafios

Situada no Litoral Sul, a Cidade de Peruíbe chega aos seus 53 anos de Emancipação Político-Administrativa neste dia 18 de fevereiro, festejando a data em pleno sábado de Carnaval.
Terra de história e oportunidades, a população celebra sua data com respeito ao passado, vivendo o presente e olhando para o futuro. Nossa querida e alegre Peruíbe ainda no Século XVI dava seus primeiros passos... Ligada à época à Capitania de São Vicente (e depois à Capitania de Itanhaém) foi palco relevante na construção da história do País.
Aqui se deram importantes momentos da história, com o seu Aldeamento São João de Peruíbe, as presenças dos jesuítas Leonardo Nunes (o Abarebebê, o Padre Voador) e José de Anchieta; por aqui passaram inclusive aventureiros como Anthony Knivet.

Registre-se aqui as marcas históricas deixadas em nossa Cidade, como as Ruínas do Abarebebê e o Caminho do Imperador, que evidenciam a relevância de nossa comunidade. De lá para cá essas terras vêm se desenvolvendo: a instalação da Linha do Telégrafo em tempos remotos, a chegada da Estrada de Ferro da Southern São Paulo Railway, a antiga Rodovia Pedro Taques (hoje, Padre Manoel da Nóbrega), a chegada de migrantes, o alvorecer do comércio, o desenvolvimento imobiliário...
Até chegarmos ao final da década de 1950, mais precisamente em 18 de fevereiro de 1959, quando a Cidade de Peruíbe se emancipa de sua co-irmã Itanhaém. O tempo passou rápido... da antiga vila caiçara, hoje temos a pujante Peruíbe.

O município aos poucos vem se firmando como referência não só para a Região Metropolitana da Baixada Santista, mas também para o País e até para o exterior. Com seu patrimônio ambiental relevante, como a Jureia-Itatins e o Parque Estadual Serra do Mar, ocupa papel importante para o desenvolvimento regional. Nesse sentido, coloca-se a necessidade de termos uma posição mais pró-ativa em relação à questão ambiental.
Se de um lado temos avanços e conquistas, d’outro temos desafios. As descobertas da camada do pré-sal, o sempre ativo mercado imobiliário e de serviços, a expectativa de investimentos públicos e privados, o turismo, tudo isso coloca nossa Cidade no centro das atenções.

Porém, é necessário que Cidade gere mais empregos e oportunidades, prepare a mão-de-obra local, incentive e articule investimentos com sustentabilidade (com estudos confiáveis para transformar o patrimônio ambiental como meio de desenvolvimento responsável).
Também é fundamental priorizar as políticas públicas de Educação, Saúde, Assistência Social, Segurança Pública, Cultura, Esportes e outras áreas que fortaleçam a cidadania e dê as condições adequadas de desenvolvimento social da população.
Em síntese: que o Poder Público, junto com o setor privado, seja indutor da economia local, alavancando o desenvolvimento econômico e a qualidade de vida tão esperados.

No entanto, pela sua trajetória vencedora e de avanços, tenho convicção de que nossa aniversariante Peruíbe terá a sabedoria necessária para galgar patamares de desenvolvimento, com qualidade de vida, inclusão social, participação popular e oportunidades para todos que aqui habitam e constroem nosso Município.
Portanto, todos nós – munícipes, veranistas, turistas – temos papel singular nesta caminhada, com a certeza de construir esta Peruíbe boa para se viver, de oportunidades, que orgulha seus filhos nativos e cativa seus filhos por opção.
Por isso, neste 53º aniversário Peruíbe firma-se como uma Cidade dinâmica, ativa, promissora.

Parabéns, Peruíbe!

(Onira Betioli é educadora, vereadora à Câmara Municipal de Peruíbe (PT))

Reecontro de craques


Jogo entre amigos
O campo do Grêmio Esportivo Sion recebeu no último domingo um jogo de confraternização entre velhos conhecidos dos juniores do Santos F.C. De um lado, o time Amigos do Isaías. Do outro, Amigos do Sérgio Muller. Ambos estão na foto, com o presidente da Câmara e ex-presidente do Sion, Marco Aurélio Gomes.
O amistoso serviu para reunir antigos jogadores de futebol, que tiveram passagens pelas equipes menores do Santos e depois atuaram nas equipes profissionais da Baixada Santista, como a Briosa e o Jabaquara, onde Sérgio Muller foi um dos maiores artilheiros na disputa da Segunda Divisão, nos anos 90.
Isaías jogou na Portuguesa Santista, mas foi destaque mesmo no Bragantino, onde atuou entre 93 e 94, sendo o mais novo no grupo que tinha como líder o meio-campo Mauro Silva. O ex-atacante Sérgio Muller hoje trabalha no agenciamento de jogadores, com foco no México e na Ásia. Já Isaías é professor de Educação Física, dono de academia e técnico de categorias menores.

Turismo em Itanhaém


Zé Ramalho é um dos destaques do rodeio em abril

Os organizadores do 8º Itanhaém Rodeo Festival anunciaram a lista de atrações musicais do evento, que ocorre entre 19 e 22 de abril. Entre os destaques, aparece o cantor Zé Ramalho, que se apresenta no sábado (21); antes, apresentam-se Michel Teló (dia 19); João Bosco & Vinícius (dia 20); No dia 22, se apresentam os irmãos Victor & Leo. A programação completa e mais informações do 8º Itanhaém Rodeo Festival no site do evento: www.itanhaemrodeofestival.com.

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Autoridades


Michel Temer visita a Praia Grande dia 1º
O vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), estará em Praia Grande no dia 1º de março para realizar uma vistoria na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Bairro Samambaia.
A chegada de Temer está prevista para as 16 horas, quando ele participa de uma reunião com o prefeito Roberto Francisco em seu gabinete. Na sequência, Temer e Roberto Francisco seguem para a vistoria da unidade, que deve ser inaugurada em abril.
UPA - Com 2.190 metros quadrados de área construída, a UPA do Bairro Samambaia contou com um investimento de R$ 4,45 milhões, sendo R$ 2,5 milhões de recursos municipais. As obras tiveram início em janeiro de 2011. A previsão é de que atenda diariamente de 300 a 400 pacientes, com pequenas e médias emergências, inclusive odontológicas.
A unidade funcionará como referência regional e segue um conceito novo em saúde, com atendimento de Saúde da Família e assistência hospitalar. Na mesma área, será instalada uma base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência Regional (SAMU), com quatro Unidades de Suporte Básico (USB), uma de Suporte Avançado (USA) e duas motolâncias (moto dirigida por enfermeiro), para atender, além de Praia Grande, ocorrências em Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Itariri e Pedro de Toledo.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Concursos públicos


Caixa ampliará quadro em 12 mil funcionários este ano

(Portal G1)

A Caixa Econômica Federal contratará 12 mil novos funcionários este ano. A informação foi dada na terça-feira elo presidente do banco, Jorge Hereda. De acordo com a assessoria de imprensa da Caixa, o contingente será preenchido por meio de um novo concurso público que será realizado ainda neste semestre e também por aprovados dos três concursos que ainda têm validade em vigor.

“A contratação dos candidatos aprovados será realizada mediante a existência de vagas em todo o território nacional, contemplando sempre os concursos vigentes à época da disponibilidade das vagas”, informou a Caixa.

O novo concurso, segundo a assessoria da Caixa, será para os níveis iniciais da carreira administrativa (técnico bancário novo) e profissional (cargos de nível superior).

O salário inicial da carreira profissional, com carga horária de 8 horas, é R$ 7.931,00. Já a remuneração inicial para técnico bancário novo é R$ 1.784,00. O auxílio alimentação/refeição e o auxílio cesta alimentação foram reajustados e correspondem, respectivamente a R$ 435,16 e R$ 339,08.

A validade dos concursos do banco é de um ano e pode ser prorrogada por igual período. Os concursos da Caixa são sempre para cadastro de reserva, ou seja, os aprovados são chamados de acordo com a demanda.

O prazo de validade dos três concursos realizados em 2010 foi prorrogada. Os três editais, para formação de cadastro de reserva, foram lançados em março daquele ano. Dois deles eram para os cargos de técnico bancário novo - um em nível nacional e outro para o Rio de Janeiro e São Paulo. O terceiro concurso era para a carreira profissional, em cargos de nível superior, para advogado, arquiteto e engenheiro.

A validade do concurso para técnico bancário em São Paulo e no Rio de Janeiro vai até 13 de junho de 2012. Já o de técnico bancário em nível nacional tem validade até 28 de junho de 2012 e, no caso do concurso para nível superior, até 29 de junho de 2012.

Os três concursos realizados em 2010 receberam o total de 760.953 inscrições. As seleções para técnico bancário tiveram 700,2 mil inscritos - 248.688 para São Paulo e Rio de Janeiro e 451.523 para nível nacional. Para os cargos de nível superior, o concurso recebeu o total de 60.742 inscrições.

A CEF afirma que admite aprovados tendo em vista ainda a necessidade de preenchimento de vagas decorrentes de desligamentos por motivo de rescisão contratual, aposentadoria e falecimentos. “Como a convocação dos candidatos decorre do aumento do quadro de pessoal ou, ainda, da reposição de empregados desligados, o banco não tem como prever quantas vagas devem surgir até o prazo final de validade do concurso, nem em quais localidades haverá maior chance de se chamar mais candidatos”, informa.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Economia


Sabesp alerta para aumento do consumo de água com o calor

Companhia tem produzido 4,5 mil litros a mais por segundo; consumidor deve usar água com moderação

As altas temperaturas deste início de fevereiro refletiram diretamente nos hábitos da população na hora de consumir água na Região Metropolitana: nos últimos dias a Sabesp aumentou sua produção de água em 4,5 mil litros por segundo – volume suficiente para abastecer uma cidade de 1,5 milhão de habitantes.

Até a semana passada, a Companhia produzia em média 67 mil litros de água por segundo. Hoje, esta produção passou para uma média de 71,5 mil litros por segundo. O pico foi no sábado, dia 4/2, quando a Sabesp atingiu 72,49 mil litros de água produzidos por segundo.

“Nós tivemos aumento da temperatura no final de semana e isso fez com que a população consumisse mais água. A Sabesp está pronta para atender a esse aumento do consumo, mas reitera o pedido para que a população use a água sem desperdícios”, afirma o diretor Metropolitano da Sabesp, Paulo Massato.

Nos últimos anos, a Sabesp realizou investimentos importantes que contribuíram para garantir o fornecimento de água para a população da Região Metropolitana. Entre as obras está a de ampliação do Sistema Produtor Alto Tietê, que beneficia 5 milhões de pessoas. Isso foi possível porque, com a ampliação, a produção de água nesse sistema cresceu de 10 mil litros por segundo para 15 mil litros por segundo. Além da ampliação da capacidade de tratamento, foram instaladas novas adutoras, como a Guaraú-Jaraguá, e estações para bombear a água em toda a Grande São Paulo. O investimento chega a R$ 500 milhões.

Dicas

Medidas simples podem ser adotadas dentro de casa para que a água seja usada com consciência. Na hora de tomar banho, feche a torneira enquanto se ensaboa. Banhos com aquecedores por 15 minutos, por exemplo, consomem 135 litros de água em uma casa. Se fecharmos o registro durante o ensaboamento e reduzirmos o tempo para 5 minutos, o consumo cai para 45 litros.

Outra dica importante é para a hora de lavar o carro. Prefira usar balde e pano a usar a mangueira. Se a lavagem dura 30 minutos e a mangueira fica aberta, o gasto de água pode chegar a 560 litros. Com o balde, cai para 40 litros.

Antes de lavar a louça, limpe os restos de comida e feche a torneira: o consumo pode cair de 240 litros para apenas 20 litros. Molhe as plantas de preferência no começo da manhã ou à noite e prefira um regador à mangueira, que pode gastar até 190 litros em 10 minutos.

A água das piscinas montadas principalmente para uso das crianças também pode ser mais bem aproveitada: depois do banho para se refrescar, use a água para lavar o quintal, por exemplo.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Ambiente


Santos se mobiliza contra o Novo Código Florestal

Campanha #manguefazadiferenca mostra à sociedade que as alterações do Código Florestal afetarão diretamente toda zona costeira do Brasil

Para alertar e mobilizar a sociedade na Baixada Santista/SP sobre o impacto das alterações do Código Florestal nos manguezais e zonas costeiras, a Fundação SOS Mata Atlântica, diretamente em parceria com a ONG Ecosurfi, realiza, dia 12 de fevereiro, a campanha “Mangue Faz a Diferença” – Remando por um Mundo Melhor na cidade de Santos/SP.

Este movimento é composto por organizações de todos os estados brasileiros que possuem litoral com Mata Atlântica e traz em sua agenda manifestações programadas em diversas praias, além de um ato em Brasília no início de março. A campanha conta com o apoio do Comitê Brasil em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável, uma coalizão formada por 163 organizações da sociedade civil brasileira, responsável pelo movimento “Floresta Faz a Diferença”.

Como parte da campanha, também foi lançado o Manifesto A Favor da Conservação dos Manguezais Brasileiros. Segundo o texto do documento, “além dos sérios problemas que já vêm sendo denunciados por cientistas, ambientalistas, especialistas em legislação e organizações da sociedade civil – a exemplo da anistia e da redução da proteção em áreas de Reserva Legal e de Preservação Permanente –, representando um grave retrocesso na proteção das florestas, o projeto de lei aprovado na Câmara dos Deputados e o substitutivo do Senado atingem também os ecossistemas costeiros e estuarinos, notadamente os manguezais brasileiros, em toda zona costeira do país.”

Em seguida, o documento lista os principais problemas trazidos para esses ecossistemas e pede providências às autoridades. O manifesto pode ser acessado na íntegra em http://bit.ly/manguefaz.

Manifestação “Remando por um Mundo Melhor” leva surfistas e remadores para protestar em favor dos mares e oceanos

Santos está entre uma das principais cidades do Brasil por possuir o maior porto da América Latina, contudo, ainda conta com áreas de manguezais, que no decorrer dos anos estão desaparecendo sistematicamente, devido a ocupações irregulares, poluição por resíduos sólidos e expansão da área portuária.

Pretendendo chamar a atenção da comunidade do surf e demais públicos para os impactos que essas regiões sofrem, a cidade se prepara para receber no próximo dia 12/02 uma grande remada em defesa do litoral.

A proposta capitaneada pela ONG Ecosurfi, que há 12 anos atua na proteção das zonas costeiras, conta com a organização local da loja Surfsttore, da fabrica de pranchas New Advance, do Instituto Ecofaxina e Associação Santos de Surfe tem como foco principal alertar os praticantes do esporte sobre a interdependência dos ecossistemas costeiros e contribuir com o entendimento, de que, a saúde dos oceanos depende da preservação dos manguezais.

O ambiente da concentração e largada vai ser em frente ao Aquário Municipal. O percurso vai seguir a orla da cidade pelo mar, com os participantes remando bem próximo da areia para chamar a atenção do público presente na praia.

Para não remadores - Outro ponto forte da manifestação será a caminhada #manguefazadiferenca, que levara os “não-remadores” a andar pela areia conversando com os freqüentadores da praia sobre os objetivos da campanha.

Tanto remadores como não-remadores terão como ponto comum de encontro a Praça das Bandeiras no bairro do Gonzaga, para um grande ato público em defesa dos manguezais e de toda zona costeira.

Após o ato público, na Praia do Gonzaga, vai acontecer em frente ao Aquário Municipal uma confraternização. Os participantes serão recebidos com música ao vivo e vão participar do sorteio de um bloco de SUP e um remo em fibra de carbono, oferecidos pela fábrica de pranchas New Advance, além de Kits da ONG Ecosurfi.

Marcelo Morais, proprietário da loja Surfsttore, e um dos organizadores do evento, garante que Santos deve refletir sobre o que pode acontecer com as áreas naturais preservadas da cidade caso o novo Código seja aprovado.
“Santos é uma cidade linda e ainda possui muitas áreas de manguezais que devem ser protegidas. As alterações no Código Florestal podem ser sinônimo do desaparecimento desses ambientes nos próximos anos e a saúde dos oceanos também dependem dos mangues”, comenta.

Reconhecido pelo importante trabalho em prol dos manguezais do estuário que compreende a região da cidade de Santos, o Instituto Ecofaxina fará parte da mobilização #manguefazadiferenca, trazendo sua equipe para permitir ao publico participante maior entendimento da importância dos manguezais na vida marinha.

De acordo com texto publicado na página virtual do Instituto Ecofaxina, os manguezais também desempenham importantes serviços ambientais como reguladores do clima.

“Os mangues são a espinha dorsal das costas dos oceanos tropicais, são muito mais importantes para a biosfera do oceano global [...]. E, embora essa mata de mau-cheiro lamacento não tenha o encantamento de florestas tropicais ou recifes de corais, uma equipe de pesquisadores observou que a linha costeira de plantas lenhosas fornecem mais de 10 por cento do carbono orgânico dissolvido fornecido ao oceano a partir da terra”. (texto extraído: www.ecofaxina.org.br)

Em Santos a campanha #manguefazadiferenca conta com a coordenação regional da ONG Ecosurfi e a organização local: Loja Surfsttore, fábrica de pranchas New Advance, Instituto Ecofaxina e Associação Santos de Surf. Além do apoio da Água Marinha, Okumura - Temakeria e Freshfish, Unisanta e Me2 ENTERTAINMENT.

Como participar
As inscrições podem ser feitas na Loja Surfsttore em Santos (Av. Pedro Lessa, 796 – Aparecida, das 9h às 19h) ou na Ecosurfi através do telefone: (13) 3426 8138 e também no dia do evento (12/02) a partir das 9h em frente ao Aquário Municipal.

*Programação:
09h - Concentração - em frente ao Aquário Municipal
09:30h - Retirada do kit #manguefazadiferenca
10:30h - Saída - Percurso do Aquário ao Gonzaga
11:30h - Manifestação Praça da Bandeira
13:30h - Confraternização - em frente ao Aquário

Cyberativismo - Sociedade Mobilizada
Internautas já podem acompanhar a mobilização e obter informações na fan page da campanha no Facebook (facebook.com/manguefazadiferenca), e manifestar seu apoio via Twitter com a hashtag #manguefazadiferenca. Informações, fotos e vídeos sobre as atividades, bem como os materiais da campanha e o manifesto estarão disponíveis ainda nesta semana no hotsite www.manguefazadiferenca.org.br.

(Mais informações para imprensa com: João Malavolta - joaomalavolta@ecosurfi.org - Jornalista MTB: 59.921/SP)

sábado, 4 de fevereiro de 2012

RODA SP


Ação solidária do programa Roda SP beneficia idosos

O Roda SP termina neste domingo (5/2), e no dia seguinte (6/2) uma ação solidária da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo, responsável pelo programa, ainda vai beneficiar 351 senhores e senhoras de dez cidades do litoral paulista. As próprias prefeituras de Santos, Guarujá, Bertioga, Peruíbe, Mongaguá, Cubatão, Praia Grande, São Vicente e Itanhaém participaram da escolha das rotas.

Para cada um dos 351 representantes da “melhor idade”, a Secretaria de Turismo vai, além de fornecar a passagem gratuita para os passeios, oferecer lanche durante o evento. Se a rota tiver origem em Santos, por exemplo, o ponto de encontro será o Posto 3, e os convidados utilizarão a rota verde, que parte da Praia do Cibatel, passa pelo Pocinho de Anchieta indo até o Lamário de Peruíbe. Os embarques em todas as rotas acontecerão a partir das 9 horas.

O projeto Roda SP mostrou números expressivos em pouco mais de 20 dias de operação na Baixada Santista - atendeu mais de 20 mil pessoas, que conheceram vários pontos turísticos da região, por apenas R$ 10, e ficaram plenamente satisfeitas.

No momento em que adquire o tíquete, o viajante recebe uma pulseira, válida para ser usada por dois dias seguidos, e poderá escolher entre as rotas Amarela, Azul, Laranja, Rosa, Roxa, Vermelha e Verde, que se conectam entre si e levam aos pontos turísticos das 10 cidades do litoral sul paulista. Quem deseja aproveitar os benefícios do programa, pode comprar a passagem no posto de informações turísticas na Praça da Biquinha, em São Vicente, e dentro dos próprios ônibus.

Vale ressaltar que o Roda SP é um projeto da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo. A ideia é distribuir melhor o fluxo turístico que chega nas cidades de maior visitação, oferecendo ao turista a possibilidade de movimentar-se com um custo baixo. O projeto começou dia 20 de julho de 2011 no Vale do Paraíba.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Excelente dica para o Carnaval!

Copa 14


Região Metropolitana trabalha para ser subsede na Copa do Mundo

Capacitação dos profissionais, boa infra-estrutura, clima e proximidade com a capital devem fazer da região subsede da Copa do Mundo

Aconteceu na tarde desta quarta-feira (01), na sede da AGEM (Agência Metropolitana da Baixada Santista), a reunião da Câmara Temática Especial Pró Copa do Mundo 2014, que visa levar a Região Metropolitana a ser subsede durante o mundial de futebol que ocorrerá no Brasil.
O secretário-executivo do Comitê Pró-Santos na Copa e coordenador da Câmara Temática, Luiz Dias Guimarães, apresentou aos membros da Câmara as propostas para solidificar de vez a região como subsede. Guimarães ressaltou que em recente viagem ao México um trabalho de divulgação da Região Metropolitana da Baixada Santista foi realizado e ele ficou bastante otimista com a resposta dos mexicanos que pretendem vir no mês de março conhecer de perto as instalações para treinamento, hotéis, o clima e a qualidade de vida. Cerca de 15 mil mexicanos devem estar em solo brasileiro durante os jogos da Copa do Mundo.
Também foram apresentados durante a reunião, projetos que buscam a qualificação de trabalhadores para a recepção dos turistas na Copa. O projeto “Costa da Mata Atlântica Bilíngüe” vai capacitar 4 mil pessoas com cursos de inglês e espanhol, sendo mil vagas para as cidades de Santos, São Vicente e Guarujá e 200 vagas para Bertioga, Cubatão, Itanhaém, Peruíbe, Praia Grande e Mongaguá.
A consultora de turismo do Sebrae, Michele Oliveira, apresentou o programa “Taxista Nota 10” em parceria com o Senat. Serão 50 vagas na Região Metropolitana da Baixada Santista, mas o número de vagas para cada município ainda será definido.
Ficou acordado que na próxima reunião a ser realizada em 01 de março, também na AGEM, os municípios devem trazer seus projetos e materiais ilustrativos para posteriormente serem apresentados aos governos estadual e federal.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Aprovação

Câmara aprova revalorização salarial de servidores
A Câmara Municipal de Itanhaém aprovou, em segunda discussão, por unanimidade, o Projeto de Lei Complementar 1/12, de autoria do Executivo Municipal, que revaloriza a remuneração das referências de 1 a 7 da Escala de Vencimentos e Salários da Prefeitura. A 32ª sessão extraordinária foi realizada na quarta-feira (1º), às 10 horas.
A medida é necessária, pois, desde 1° de janeiro, o salário mínimo nacional vale R$ 622,00. O PLC 01/12 estabelece os seguintes valores: R$ 624,00 (referência 01), R$ 627,00 (referência 02), R$ 630,00 (referência 03), R$ 631,00 (referência 04), R$ 634,00 (referência 05), R$ 636,00 (referência 06) e R$ 644,00 (referência 07).

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Projetos Esportivos


Abertas inscrições para Seleção Pública do Programa Petrobras Esporte & Cidadania

Até o dia 1º de março de 2012, as instituições interessadas em participar da Seleção Pública do Programa Petrobras Esporte & Cidadania devem inscrever seus projetos no site do Ministério do Esporte, cujo endereço é www.esporte.gov.br/leiIncentivoEsporte/. O Programa Petrobras Esporte & Cidadania vai destinar R$ 30 milhões para projetos de até dois anos de duração voltados ao desenvolvimento de crianças e adolescentes por meio do esporte, alinhados aos princípios de inclusão, educação integral, cidadania e diversidade.
Os resultados da Seleção Pública do Programa Petrobras Esporte & Cidadania serão divulgados em junho de 2012. Para auxiliar as instituições, a Caravana Esportiva Virtual continuará, até o encerramento das inscrições, com uma equipe de especialistas à disposição no site da seleção pública (www.petrobras.com.br/ppec) para prestar esclarecimentos, das 9h às 21h, até 1° de março de 2012.
Oficinas - Aproximadamente três mil participantes de 1.500 instituições passaram pelas oficinas gratuitas da Seleção Pública 2011 do Programa Petrobras Esporte & Cidadania, em 26 estados brasileiros e no Distrito Federal, totalizando 29 cidades, de agosto a dezembro de 2011. Durante três meses as instituições receberam orientações nas Caravanas Esportivas presenciais para a elaboração de projetos que irão promover a inclusão social por meio de atividades esportivas para crianças e adolescentes, promovendo a igualdade de acesso aos interessados.
Desde agosto, no lançamento da Seleção Pública, a Petrobras disponibilizou um modelo de formulário para inscrições no site www.petrobras.com.br/ppec. Este modelo serviu de documento de apoio para a elaboração dos projetos de acordo com a Lei Federal de Incentivo ao Esporte.

O Programa Petrobras Esporte & Cidadania - Em outubro de 2010, a Petrobras lançou o Programa Petrobras Esporte & Cidadania, uma das mais abrangentes iniciativas de apoio ao esporte do Brasil. O programa vai destinar, até 2014, recursos a quatro diferentes segmentos: Esporte Educacional, Esporte de Rendimento (boxe, esgrima, remo, taekwondo e levantamento de peso), Esporte de Participação e Memória do Esporte. A iniciativa é uma parceria da Petrobras com o Ministério do Esporte.



O lançamento do Programa Petrobras Esporte & Cidadania consolida a posição da Companhia como grande incentivadora do esporte nacional, contribuindo para a formação de novas gerações de brasileiros que valorizem atributos como disciplina, ética e superação de desafios e, principalmente, para transformar o esporte numa ferramenta para promover a inserção social de Norte a Sul do País.